Professores da Educação de Jovens e Adultos participam de formação em Projeto de Vida com o Sebrae

O curso online de 40h é estruturado no novo componente curricular Projeto de Vida Educação Empreendedora e Financeira

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), por meio do Departamento de Educação (DED), em parceria com o Sebrae Sergipe, vem ofertando formações pedagógicas para 120 professores da modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA), de modo a atender ao público variado de estudantes tanto os das escolas na Rede Estadual de Ensino, como também os privados de liberdade dos sistemas Socioeducativo e Prisional. Os encontros ocorrem via conferências virtuais. 

A formação teve como proposta fazer o repasse do material elaborado pelo Sebrae, para os professores trabalharem com os alunos o novo componente curricular Projeto de Vida Educação Empreendedora e Financeira nas turmas da EJA-EFII e EJA-EM. O Projeto Político Pedagógico da EJA foi reestruturado para acompanhar as transformações educacionais e sociais, alinhado a uma proposta curricular e metodológica voltada para a formação integral do estudante, numa perspectiva contextualizada e interdisciplinar que desenvolva as habilidades e competências essenciais para o desenvolvimento humano.   

A diretora do DED, professora Ana Lúcia Lima, ressaltou que a Secretaria de Estado da Educação está atenta às necessidades de todos os estudantes, e que os jovens e adultos precisam de uma proposta pedagógica adequada a sua realidade, anseios e perspectivas, valorizando os aprendizados já obtidos. “Nesse contexto, é importante termos na EJA um currículo em que o Projeto de Vida do estudante seja propulsor do desenvolvimento de novas competências e habilidades para que ele possa enfrentar a vida com mais autonomia, confiança, segurança e determinação”, declarou. 

Para o chefe do Seja, Ibernon Macena, a Educação de Jovens e Adultos dar um passo à frente no que se refere ao componente do Projeto de Vida Educação Empreendedora e Financeira, eixo que engloba todo o processo de aprendizagem, no qual os alunos desenvolvem suas habilidades, enriquecem seu conhecimento e descobrem seu lado empreendedor para atuar no mercado profissional. “Isso já nos deixa satisfeitos por saber que algo está fluindo, pois muitos dos nossos alunos estão no mercado informal, e esse componente vai direcioná-los para as suas necessidades na sociedade”. 

Parceria 

A formação dos professores da Educação Estadual é fruto de parceria entre a Seduc e o Sebrae Sergipe,  por meio da qual se desenvolvem ações pedagógicas na EJA e são priorizados valores morais e éticos, numa perspectiva dialógica a partir das rodas de conversa que promovem a formação de sujeitos críticos e autônomos protagonistas do processo de aprendizagem.  

Nessa perspectiva, foram inscritos na formação do componente curricular Projeto de Vida Educação Empreendedora e Financeira, da EJAEFII, cerca de 120 professores que atuam na modalidade e estão lotados em todas as diretorias regionais de educação e participaram de cinco noites de formação inicial e que irão continuar em formação nos meses de maio e junho, para obter certificação de 40h. E para a EJA-EM o Sebrae, em parceria com  a Seduc, também ofertará, a partir do dia 22 de abril, um curso em EaD para os professores específicos dessa modalidade. 

Para Paulo do Eirado Dias Filho, diretor superintendente do Sebrae/SE, o componente curricular Projeto de Vida, Educação Empreendedora e Financeira tem o foco na formação de competências que garantam aos estudantes mais condições de atingir com sucesso os seus objetivos pessoais e profissionais, de modo a serem protagonistas na condução das suas próprias vidas. “Podemos justificar a necessidade de provocar no aluno o interesse em planejar um futuro de sonhos, ambições e espírito colaborativo, pelas mais diversas vertentes, tanto econômicas quanto sociais, porém a mais significativa delas é torná-lo capaz de vislumbrar na educação empreendedora um modelo de cidadania ativa e não passiva, de integração com o mundo ao seu redor e de objetivos, metas e estratégias que poderão mudar o rumo da sua vida e da sociedade”, afirmou Paulo do Eirado.

FONTE: 

SEDUC- Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura