Oficinas vão orientar profissionais da cadeia do turismo

Capacitações buscam apresentar protocolos de segurança para o funcionamento dos negócios.

Nos dias 28 e 30 de julho o Sebrae irá promover duas novas oficinas online para ajudar os empresários na implementação dos protocolos de segurança durante o processo de retomada das atividades. Dessa vez as capacitações serão direcionadas aos empreendedores e profissionais que atuam na cadeia do turismo.

Os dois encontros acontecerão às 15h e as inscrições podem ser gratuitamente no endereço eletrônico lojavirtual.se.sebrae.com.br e pelo telefone 0800 570 0800. No primeiro dia, a oficina será voltada aos proprietários hotéis, pousadas e albergues e seus colaboradores. Já a segunda atividade, no dia 30, será focada nos guias de turismo, receptivos e demais profissionais que atuam nesse segmento.

Para participar dos encontros p participante deverá ter um computador, smartphone ou tablet com internet, além do aplicativo Teams, que servirá como ponte entre o mesmo e o mentor/facilitador.

As oficinas irão fornecer orientações sobre a maneira correta de atender os clientes com segurança, higienização de superfícies e equipamentos, destinação do lixo, medidas para evitar aglomeração e contaminação cruzada, dentre diversas outras que contribuam para mitigar o risco de contágio das pessoas. Além do setor de turismo, o Sebrae já promoveu ações semelhantes para os setores de alimentação fora do lar e beleza.

Cartilhas e outros materiais

O Sebrae também está disponibilizando gratuitamente aos profissionais do turismo uma série de materiais como cartilhas e vídeos com informações práticas, alinhadas às recomendações das autoridades de saúde, para ajuda-los na adaptação dos seus negócios às exigências do poder público assim que eles tiverem o seu funcionamento liberado. Todo o material está disponível no site www.sebraesergipe.com.br.

Isso inclui ainda materiais de visualização e sinalização para impressão, que podem ser utilizados na empresa tanto no piso quanto na parede, com orientações para distanciamento e medidas preventivas de higiene. A ideia é que as micro e pequenas empresas, com orientação do Sebrae, disponibilizem um QR Code para os clientes de forma a possibilitar a checagem das medidas implementadas nos estabelecimentos.